Carregando...

31 curiosidades sobre cruzeiros marítimos para todos os viajantes

O mar sempre causou diversas sensações, principalmente despertados  por seus mistérios. Foi palco das mais diversas aventuras que ajudaram a contornar os mapas, a desenhar o mundo que se conhece hoje e a também tentar entender mais sobre as suas águas. Antes, zarpar em um navio era sinônimo de saudades de sua terra natal ou de conquistas. Agora, de viagem e lazer. Os cruzeiros marítimos estão aí para provar para você que os setes mares sempre encantam a quem se propõem a navegar por eles.

Assim como o mar tem seus mistérios, os cruzeiros também. Um navio que carrega milhares de hóspedes e outros mil e poucos tripulantes, também possui as suas curiosidades. Vamos embarcar nessa?

1- Não tem jeito. Todas às vezes que se fala sobre cruzeiros marítimos, logo vem à mente a palavra Caribe. É o destino mais popular e é atendido por praticamente quase todas as companhias especializadas em cruzeiros marítimos.

2- Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, os cruzeiros são mais divertidos que o nosso vão imaginário pode supor. Tem entretenimento para todos os gostos e idades, relevando que não apenas a terceira idade desfruta de uns dias navegando pelo mar. Jovens, adultos e crianças possuem um lugar garantido, e muito bem aproveitado. Contudo, os animais ainda não são permitidos.

3- O embarque em cruzeiros marítimos é bem parecido com o embarque em aviões. O processo, no entanto, tem duração de 4 horas antes de partir – por isso, chegue sempre no horário. O passageiro deve se dirigir ao balcão de check-in com os documentos e voucher original em mãos.

4- Para viagens nacionais, é obrigatório a apresentação do RG ou qualquer documento válido com foto. Não esqueça que os menores de 12 anos também devem apresentar a documentação, como o RG. Em viagens internacionais em cruzeiros, tanto adultos como menores de idades devem apresentar o passaporte com validade mínima de 6 meses e o visto de acordo com o destino. Agora, se for uma viagem pela América do Sul, está liberado o uso do RG em bom estado e com emissão inferior a 10 anos para todos.

5- Um conselho, não exagere na mala! Geralmente, as cabines possuem um guarda-roupa pequeno. Opte por levar roupas confortáveis para o dia a dia, assim como roupa de banho. Se durante a viagem, tiver um jantar específico, atente-se ao dress code.

6- Atenção aos itens proibidos: secador, chapinha, ferro de passar roupa e aquecedor de mamadeira. Não é permitido a entrada de bebidas e alimentos a bordo por uma questão de segurança.

7- A moeda corrente dentro de quaisquer cruzeiros marítimos é o dólar, independente do país que esteja percorrendo.

8- Os navios aceitam cartão de crédito internacional e dinheiro em espécie.  Se a preferência for por pagamento em dinheiro, é preciso depositar um valor em dólar antes da viagem, conforme a companhia de cruzeiros determinar, além de levar um pouco durante a viagem. Não são aceitos cheques e cartões de débito.

9- Após o embarque, será entregue o Cruise Card, com o nome do hóspede e o número da cabine. Toda vez que for consumir dentro do navio, é necessário utilizá-lo. Um dia antes de terminar a viagem, é enviado o extrato da sua conta. O cartão de crédito internacional tem uma vantagem de não precisar pagar taxas de câmbio e ter a facilidade na hora de acertar as contas no navio. Agora, se for em dinheiro, o hóspede deve ir à recepção para abater do valor previamente depositado e acertar as possíveis diferenças.

10- A gorjeta é uma prática comum em cruzeiros marítimos. Sabendo disso, as operadoras de cruzeiros costumam já incluir em seus pacotes o valor designado aos serviço, que estarão dispostos no Cruise Card.

11- O “all inclusive” não é tão “all inclusive”. O regime de alimentação é sempre igual entre as práticadas em navios de viagem. Geralmente, as bebidas alcóolicas não estão dentro do pacote, assim como os jantares em restaurantes diferenciados, as excursões, o fotografo e o uso do wi-fi. Vale lembrar também que os cassinos só aceitam dinheiro!

12- Para ajudar os hóspedes, são oferecidos alguns pacotes extras, como o pacote de bebidas. Cada operadora de cruzeiro marítimo oferece um tipo de pacote de bebidas, é importante escolher aquela que irá atendê-lo melhor!

13- O número 13 é cercado de vários significados e não seria diferente em alto-mar. Em nenhum cruzeiro do mundo você encontrará nas cabines, nos botes salva-vidas ou nos decks o número 13. Uma convenção marítima para não dar sorte ao azar!

14- Existem as cabines internas, que não possuem janelas. As externas, com janelas menores e maiores, sem abertura, e as com varandas. As diferenças estão no preço. A parte frontal do navio, a proa, possui a melhor vista, enquanto a área central está próxima aos elevadores – geralmente, as cabines nessa região são optadas por idosos e pessoas com necessidades especiais. Todos os cruzeiros marítimos oferecem cabines adaptadas.

15- Os cassinos e o Durty Free só começam a funcionar depois que o cruzeiro zarpa do porto. Em alguns cruzeiros marítimos há a possibilidade de se fazer umas comprinhas em lojas ou dar uma mudada no visual nos salão de beleza e até mesmo em SPAs.

16-  É inevitável: o navio balança. É um fato! Por isso, leve consigo remédios para enjoos ou procure o centro médico para ser atendido, contudo o medicamento será cobrado e o custo é bem elevado.

17-  O seguro viagem é valiosíssimo e imprescindível em qualquer viagem. Ainda mais em cruzeiros, onde os preços de atendimentos são elevados. Caso utilize os serviços médicos dentro do navio, é necessário efetuar o pagamento em dólar e solicitar o reembolso após a viagem.

18– Aliás, todo navio tem um centro médico, uma prisão e até mesmo um necrotério. Contudo, não existe estoque sanguíneo, se for necessário, será solicitado aos passageiros e tripulantes realizar a doação.

19- Há muitas atividades dentro do navio. Para ficar por dentro de tudo e aproveitar ao máximo a sua estadia, leia o diário de bordo que é entregue todos os dias nas cabines com as atividades e horários que elas irão ocorrer. Caso queira mais informações, procure algum funcionário, ele saberá informá-lo!

20- Não se preocupe!  Tem bastante atividades para os pequenos se divertirem a bordo. Agora, se procura por um lugar mais calmo, longe da agitação, é só buscar pelo espaço destinado para os adultos. Só poderá acessá-lo pessoas maiores de 18 anos. É um ambiente mais tranquilo que quase ninguém sabe que existe!

21- Quando o navio aporta em algum cais, você não é obrigado a descer. As atividades continuarão acontecendo a bordo. Mas, caso queira turistar pelas redondezas, opte pelos pacotes de excursões oferecidos pela companhia de cruzeiros marítimos. Mais segurança e a certeza que não perderá o horário.

22- Importante: o horário é uma coisa levada muito a sério. Sim, se você se atrasar em seu passeio fora da embarcação, você será deixado para trás!  Isso porque possuem um itinerário bem rígido a ser cumprido!

23– Caso adquira bebidas ou alimentos em terra, os itens devem ser guardados em um lugar no navio e devolvidos no final da viagem. A segurança e saúde são coisas levadas muito a sério!

24- Para prevenir surtos de doenças, são disponibilizadas torneiras espalhadas pelo navio inteiro. Lave sempre as mãos!

25– As águas das piscinas são salgadas, tratadas e trocadas diariamente. Agora, a água utilizada nas demais finalidades passam pelo processo de dessalinização e tratamento para o consumo.

26– O papel higiênico deve ser descartado no vaso sanitário, assim como lenços de papel. Os demais lixos podem ser jogados no lixo normalmente.

27- O maior navio de cruzeiro do mundo é o ‘Symphony of the seas‘, cuja capacidade pode comportar cerca de 5518 hóspedes e 279 funcionários. São 362 metros, com bairros, o maior toboágua dos oceanos, teatros e até mesmo um robô que prepara o seu drink, e uma tripulação composta por cerca de 77 nacionalidades diferentes.

28- Existe uma língua a parte entre os funcionários para se comunicar, são códigos que permitem aos funcionários se comunicarem sem gerar atenção, como por exemplo

29- Algumas pessoas optam por ter moradia fixa em cruzeiros. Na Europa, muitos aposentados endinheirados escolhem passar seus dias a bordo de um cruzeiro ao invés de casas de repouso. Muito mais conforto e diversão!

30- A velocidade alcançada por um cruzeiro é entre 30 a 60 km/hora.

31- A autoridade máxima a bordo é o capitão. Ele que bate o martelo e decide se vai deixar alguém em quarentena, preso ou expulsá-lo da embarcação. Por isso, comporte-se!

Fazer um cruzeiro é uma grande viagem que tem tudo para ser uma das melhores, mesmo que o balançar do mar garanta alguns pequenos momentos de enjoo. Contudo, a diversão sempre será maior e garantia de boas recordações dignas de sentir saudades. Um conselho: aproveite cada minuto, sem apressar o tempo! Aliás, você vai querer voltar a bordo rapidinho.

A RDC Viagens é a agência de viagens preferencial do nosso Associado, que disponibiliza vários pacotes de cruzeiros marítimos para transformar as suas férias em uma inesquecível experiência sobre o mar. Conte com a nossa agência para adquirir seu pacote, receber apoio e consultoria sobre roteiros, compras de passagens aéreas, passeios, documentação e  no que for preciso.

Acesse e saiba mais acessando a página que criamos especialmente com promoções imperdíveis, clicando aqui.

> Caso não seja um Associado, acesse aqui e descubra as vantagens de fazer parte do nosso Clube de Férias.

Antes de subir a bordo em uma viagem além-mar, leia também:

Meuroteirordc.com.br: Documentação para viagem de cruzeiro

Meuroteirordc.com.br: Delícias a bordo. Pronto para cruzeiros de verão na costa brasileira?

Deixe um comentário