Carregando...
''

7 passos para elaborar um plano de viagens sem falhas

Alberto Caeiro, heterônimo de Fernando Pessoa, diz que “o mundo não se faz para pensarmos nele”. Ele é feito para experimentá-lo em todos os níveis, e uma dessas formas é viajando. A jornada está aberta no momento que se imagina a viagem e o primeiro caminho a se seguir é pelo plano de viagens.

Aqui vamos ensiná-lo a montar o seu!

Pôr o pé na estrada pode parecer para muitos algo totalmente inatingível, contudo, é muito mais acessível do que você pode imaginar. A dica para colocar em prática toda essa vontade de viajar é planejar. Confira os passos para elaborar um plano de viagens e conquiste o mundo:

1° Passo: Qual é o seu perfil de viagem?

02-INTERNA-7Passos

Você embarca em uma viagem dos sonhos: malas prontas, segue para o destino escolhido. No primeiro momento, acha um pouco estranho todo o sossego do lugar, mas acha melhor não se precipitar. Faz o check-in no hotel, acomoda-se e sai para conhecer os arredores.

Até aí está tudo bem, até perceber que de fato não era nada do que esperava. A localidade é serrana e tranquila demais, repleta de casais apaixonados, além de fazer muito frio. Poderia ser o roteiro perfeito se você não esperasse o oposto: sol, praia e muito movimento para as suas férias.

Uma experiência frustrante pode fracassar todo o seu sonho de conhecer outros lugares. A não ser que se atente a um fator: perfil.

Cada pessoa tem o seu estilo e esse fator implica diretamente no seu planejamento. Definir se prefere calor a frio ou um programa mais família do que a dois são indicadores importantes para poder apontar qual o destino pode lhe proporcionar a melhor experiência.

Lembre-se sempre: o que você gosta, espera e quer conhecer são indispensáveis para saber qual é o seu melhor destino.

2° Passo: Para aonde ir?

04-INTERNA-7Passos

Vários personagens da literatura saem de viagem por diversos motivos: Ulisses regressa à terra natal na Odisseia, os portugueses desbravaram os mares em Os Lusíadas e outros muitos viajam para se salvarem entre estradas e escritos, como em Terra Sonâmbula.

Todos sabem exatamente aonde querem chegar, mesmo que inconscientemente. A jornada é o principal motivo para percorrer lugares, seja pelo local, pelo conhecimento ou por se encontrar de alguma forma.  

Assim deve ser com você: qual lugar do planeta gostaria de conhecer? Vale tudo, desde que se encaixe com seu perfil mencionado acima. Bora Bora, Ilha de Myconos, Campos de Jordão ou Igrejinha, não importa! Filtrando as opções, você já pode passar para o próximo passo.

3° Passo: Quando ir?

Um fator muito relevante e muitas vezes esquecido pelo viajante é saber quando ir. Este passo é tão importante quanto para onde ir, pois impactará diretamente em suas experiências.

Se procura por calor e sol, saiba que o tempo deve estar quente, no verão ou em algum lugar mais tropical. Se seu sonho é ter uma experiência com neve, deve se atentar a localidades mais frias e altas. Procure se informar sobre as características do seu destino, como os meses da estação, geografia e clima.

Dentro do quando ir também se insere aspectos culturais e de entretenimento. Determinadas festas ou festivais ocorrem em uma determinada época do ano, se gostaria de vivenciar essa experiência, saiba quando esses eventos irão ocorrer.

4° Passo: Quanto tempo de viagem?

03-INTERNA-7Passos

O seu planejamento será desenvolvido tirando por base quanto tempo você terá disponível para a viagem – se vai ser durante as suas férias, em um fim de semana prolongado ou um simples bate-e-volta. Essa informação é crucial para o início da organização.

Afinal, alguns destinos precisam de mais tempo para chegar e para conhecer que outros. Atente-se ao calendário!

5° Passo: Pesquise!

01-INTERNA-7Passos

Pesquisar, pesquisar e pesquisar. Para que seu plano de viagens não tenha falhas e sua viagem realmente alce voo, é preciso obter o máximo de informações possíveis sobre o lugar, como chegar, onde ficar e o que fazer.

É nesse momento que você irá filtrar as informações mais relevantes e partir para o próximo passo!

6° Passo: Atente-se ao bolso!

Muitas pessoas acreditam que viajar não entra no orçamento. Ledo engano! O planejamento é a alma do negócio – ou melhor, a alma das suas finanças.

Sabendo para onde quer ir, o período para visitar e os vários possíveis passeios, chegou a hora de bater os possíveis valores com o que pode gastar. Coloque na ponta do lápis tudo que você irá gastar, deixando margem para possíveis imprevistos.

Elenque passagens, diárias, alimentação, passeios, espetáculos, compras, seguros e taxas. Tudo deve ser contabilizado para saber o real valor da sua viagem. E aqui que acontece a mágica: pode sair muito mais em conta do que você acreditava que fosse!

Para facilitar ainda mais a vida, sobretudo a financeira, existem clubes de viagens que ajudam a programar a suas férias. Eles contêm inúmeros benefícios e a certeza que as suas férias irão sair do papel.

05-INTERNA-7Passos

7° Passo: Reservas e afins.

Viajar é programar e reservar é essencial. Nesse momento, você já sabe os valores de hotéis, passagens aéreas ou rodoviárias, se vai alugar carro, comprar ingressos para passeios, e principalmente, quanto irá gastar com tudo isso. Faça tudo com tempo hábil, atentando-se aos detalhes.

Não se esqueça da documentação! Tire passaporte se necessário, tome as vacinas, saiba se há restrições em seu destino e se prepare para jornada.

Agora que já sabe como elaborar um plano de viagens, saiba mais sobre o que é um clube de férias e quais são suas vantagens, acessando este link! Novas formas de ter a melhor experiência, sem dor de cabeça. Boa viagem!

CTA2

Deixe um comentário