Blog RDC Férias
Carregando...
''
01-DestaqueComQualMalaEuVou

Com qual mala eu vou?

Há quem goste da hora de fazer as malas e há quem acha que esse momento não devia existir. Não é? Mas uma coisa é verdade, fazer as malas não é uma tarefa fácil e um mal planejamento pode causar dificuldades futuras.

Organizamos aqui um passo a passo para ajudar nesse momento e deixar tudo mais fácil.

O primeiro ponto é decidir que tipo de mala levar. O destino da viagem, o tempo de duração e a forma de locomoção vão influenciar na escolha da sua mala.

Escapadinhas – Para viagens de final de semana e feriados, em que o transporte é sobre rodas ou voos curtos, uma mala de mão pode ser o suficiente. Elas acomodam roupas para poucos dias, não precisam ser despachadas e os bolsos externos ajudam na organização. Praticidade!

Mala de rodinhas –  É a maneira mais confortável de carregar bagagens pesadas e para muitos dias. As rodinhas facilitam o seu transporte, ainda mais se forem de 360º, e a estrutura mais rígida protege o interior.

Ao natural – Se o seu destino envolve terrenos naturais, cachoeiras, trilhas, pedras e acampamento, uma mala de mão ou uma de rodinhas não são confortáveis, ainda mais se a ideia é ficar alguns dias e o volume de bagagem for grande. Neste caso, a melhor opção é o famoso mochilão. O equipamento conta com muitos bolsos e compartimentos para ajudar na organização da bagagem, distribuem o peso nos dois ombros e oferecem modelos com proteção para chuva e acolchoado para aliviar o desconforto do peso.

Em viagens de muitos dias e com longas distâncias percorridas de avião, a melhor opção é combinar mala de mão + mala de rodinhas. Nessas viagens é importante ficar atento aos objetos que podem ou não ser levados na bagagem de mão, no limite de peso que pode ser transportado em cada situação e na forma de organização dos itens que precisam estar com fácil acesso.

Separamos algumas dicas especiais para esse caso:

Bagagem de mão:
O limite de peso para essa bagagem é de 5 Kg, e as dimensões da bolsa devem ser de 20 x 40 x 55 cm. Para evitar problemas o melhor é conferir as regras adotadas pela companhia de voo que você ira utilizar em sua viagem.

Na bagagem de mão você deve levar:
– itens que precisam estar acessíveis: documentos, dinheiro, remédios;
– objetos de valor ou frágeis: joias, relógio, eletrônicos;
– leve também uma muda de roupa para o caso de a sua mala ser extraviada, prevenir é o melhor caminho  😉

Você não pode levar:
– itens cortantes, pontiagudos e inflamáveis: tesourinha de unha, kit de costura, chaveiro-canivete, só na mala que será despachada.
– armas, nem de brinquedo!
– líquido, gel, pasta ou creme somente em embalagens transparentes de até 100 ml.


Bagagem que será despachada:
O limite de peso para essa bagagem deve ser conferido na companhia de voo que você ira utilizar em sua viagem. Nesta bagagem a dica é levar peso de menos e organização de mais. Avaliar o número de dias de duração da viagens, selecionar peças que combinam entre si e aproveitar os espacinhos laterais da mala para compactar tudo e fazer um transporte sem danos são algumas das dicas de ouro para a montagem dessa bagagem.

Em um próximo post montaremos um passo a passo sobre como organizar a bagagem que será despachada. Se você tiver alguma dica que não incluímos aqui, ou alguma dica para o próximo post, compartilhe nos comentários.

Imagem: Shutterstock

Deixe um comentário