Blog RDC Férias
Carregando...
''
01-DestaqueBeloHorizonte

Complexo da Pampulha agora também Patrimônio Mundial da Humanidade

Agora o Brasil e o mundo têm razões de sobra para conhecer Minas Gerais. Além dos centros históricos de Ouro Preto e Diamantina e do Santuário de Bom Jesus de Matozinhos, em Congonhas, o Conjunto Moderno da Pampulha, em Belo Horizonte, também ganhou o cobiçado selo de reconhecimento concedido pela Organização das Nações Unidas, UNESCO. O fato ocorreu domingo, dia 17, durante a 40ª. sessão do Comitê do Patrimônio Mundial  da entidade, no Centro de Convenções de Istambul, na Turquia.

Projetado pelo arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, o conjunto é composto por quatro obras modernistas: a Igreja de São Francisco de Assis, o antigo Cassino (atual Museu de Arte da Pampulha), a Casa do Baile (atualmente Centro de Referência em Urbanismo, Arquitetura e Design de Belo Horizonte) e o Iate Golfe Clube (atual Iate Tênis Clube). Todas as construções formam uma paisagem única, integradas à Lagoa da Pampulha e seus 18 quilômetros de orla, os jardins de Burle Marx e a Praça Dalva Simão (antiga Santa Rosa).

02-Post-BeloHorizonte

Construídas no início da década de 1940, as obras do Conjunto da Pampulha são consideradas uma referência mundial no mundo da arquitetura pela utilização de concreto armado, quando ainda o material não havia sido utilizado nesse tipo de construção. E na área externa desse conjunto, o paisagismo assinado pelo arquiteto e paisagista Burle Marx e o painel externo da Igreja de São Francisco de Assis, assinado por Cândido Portinari contribuíram  para o reconhecimento da obra.

01-Post-BeloHorizonte

Na sua próxima viagem à Belo Horizonte, caminhe pelas margens da lagoa artificial da Pampulha, não se intimide com as capivaras que circulam por lá entre os gramados;  caminhe entre os jardins desenhados por Burle Marx; acomode-se em um dos piers instalados ao longo da orla e enquadre a paisagem na sua máquina fotográfica, a arquitetura de Oscar Niemeyer, o verde e o espelho d’água formado pela lagoa. Guarde a foto como uma recordação do cartão postal da cidade: as formas arredondadas da pequena igreja de São Francisco de Assis.

Deixe um comentário