Carregando...
''
grande01-destaquevinhos02

De Mendoza aos vales dos vinhos no Chile

Quando falamos de Mendoza, na Argentina, e sua famosa rota de vinhos, convidamos você para seguir viagem até os arredores de Santiago, no Chile, para apreciar novas ângulos das paisagens andinas  e curtir experiências diferentes nas vinícolas dos vales chilenos, nas quatro as principais regiões produtoras: Valle de Aconcágua, Valle del Maipo, Valle de Colchágua e o Valle de Casablanca, caminhos deliciosos que você pode começar a degustar por aqui e inspirá-lo a planejar sua próxima viagem.

É possível cruzar os Andes de avião, partindo de Mendoza ou vice-versa. Porém, se seu objetivo é curtir a esplêndida paisagem andina, prefira alugar um carro. A vantagem é poder escolher os locais para fazer paradas e seguir seu ritmo de viagem. Se quiser optar pelo conforto total, sem perder os cenários, escolha viajar de ônibus, sentar na janelinha e ficar apreciando a paisagem, pois são quase 7 horas de viagem. Há ônibus de dois andares com janela panorâmica. Procure viajar pela manhã ou no começo da tarde. Mesmo no verão, agasalhe-se, porque lá em cima é sempre frio e sempre é preciso fazer uma parada.

05-post-cordilheira-dos-andes

Dica: Para alugar carro, entre em contato com a RDC Viagens para informações e para facilitar a burocracia, pois a viagem vai exigir documentação extra para cruzar a fronteira e o pagamento de taxas. Também é preciso ficar atento aos horários, ao percurso, às regras de fronteira chilena, que não permitem a entrada com alimentos de origem vegetal ou animal, nem mesmo aquela fruta que a gente costuma levar na mochila para um lanche rápido.

O Valle de Aconcágua, na zona central do Chile, fica a 100 quilômetros de Mendoza, na Argentina e a 90 quilômetros ao norte de Santiago. Está localizado na região de Valparaíso, com a cidade de Valparaíso declarada Patrimônio da Humanidade, a apenas 105 quilômetros de distância. O local é belíssimo, próximo da maior montanha das Américas, a Aconcágua, com o Rio Aconcágua cruzando o vale e fertilizando toda a região. Um lugar rico em gastronomia, com vinhos variados e que, no inverno, torna-se um destino típico, com centros de Ski El Arpa e Portillo. As condições do vale permitem que as videiras tenham uma maturação lenta, porém constante, o que garante vinhos encorpados e com sabores maduros.

03-post-valle-de-aconcagua

Dica: Trekkings e passeios guiados podem ser feitos na Vinícola San Esteban, percorrendo os arredores onde podem ser observados petroglifos (gravuras rupestres gravadas nas rochas), participar da colheita na época da vindima e também pedalar pelas plantações.

Em Valle del Maipo, a apenas 20 quilômetros de Santiago, está a famosa vinícola Concha y Toro, em Pirque, destino da maioria dos viajantes brasileiros apreciadores de rótulos como da linha Casillero del Diablo. Na visita à bodega, um tour com guias em português pelo casarão da família que fundou a vinícola no final do século 19, passeio pelas plantações e momento para degustação de vinhos Cabernet Sauvignon, com direito a blend de Sauvignon Blanc, Merlot Carménère e Pinot Noir. Em Maipo, algumas vinícolas ficam próximas e podem ser visitadas a pé, como Almaviva, nascida da parceria entre a família Rothschild e a Concha y Toro, a Don Melchor e a Chadwick.

01-post-valle-del-maipo

Uma deliciosa experiência “Bike & Wine” pode ser realizada na Viña Santa Rita, próxima da Vinícola Concha y Toro. O passeio inclui pedaladas pelo Vale do Maipo, com a Cordilheira dos Andes ao fundo, visita a três bodegas, Viña Carmen, onde foi descoberto o colorido Carménère no Chile; conhecer e produção de vinho orgânico na Vinã Nativa e a própria Viña Santa Rita, com toda a sua tradição. Em todas as adegas, momentos para degustação. Depois, escolha entre visitar o Museu Andino ou apenas ficar descansando, desfrutando da paisagem.

O Valle de Colchágua, localizado a 150 quilômetros ao sul de Santiago, começa aos pés da Cordilheira dos Andes e se estende na direção oeste ao encontro do Oceano Pacífico. Os vinhos da região apresentam maravilhosos tons vermelhos das cepas Cabernet Sauvignon. Uma experiência emocionante acontece na Vinícola Santa Cruz num passeio que resgata a história e tradições do Valle de Colchagua. Um teleférico faz a subida levando o visitante até Cerro Chamán, onde é possível conhecer os três povos originários do Chile: Mapuche, Rapa Nui e Aymara que inspiram os vinhos da vinícola e dão nome às suas linhas Premium: Chamán Santa Reserva, Gran Reserva e Tupu Edición Limitada, rótulos que podem ser degustados após o visitante conhecer todo o processo enológico da vinícola.

02-post-valle-de-colcagua

Dica: O trem “Sabores del Valle” promete uma experiência única ao cruzar os principais vales  vitinícolas do Chile com música ao vivo a bordo, degustações , até chegar ao Valle de Colchagua, para um percurso de ônibus pelo interior do vale , descobrindo seus vinhos, gastronomia e tradições. Importante conferir o calendário de saídas.

Valle de Casablanca é a região de vinhos mais nova do Chile, com vinícolas nascidas a partir de 1980. Seus vinhos brancos são originários de setores litorâneos do país e seus vinhedos coloridos garantem as tonalidades das suas diferentes cepas, como Sauvignon Blanc e Chardonnay e alguns tintos como o Pinot Noir. Localizado entre Santiago e Valparaíso, o Valle de Casablanca é uma deliciosa opção de passeio para quem visita essas duas tradicionais cidades turísticas chilenas. Sob a brisa da costa, faça um tour pela vinícola Casas del Bosque, deguste seus vinhos no 242 Aromas Bar e não deixe de harmonizar um Sauvignon Blanc no prestigiado restaurante da vinícola.

04-post-vale-de-casablanca

Para ajudar você  e  sua família a vivenciar roteiros assim, que aguçam os sentidos e estimulam experiências em cenários diferentes, em meio às paisagens incríveis da Cordilheira dos Andes e região, conte com a infraestrutura e os serviços da RDC Viagens, agência preferencial do associado. Faça uma cotação através dos telefones (11) 2172-0270/4096-0270, de 2ª a 6ª feira, das 9h às 19h ou pelo e-mail agencia@rdcviagens.com.br. Conheça também as flexibilidades e vantagens oferecidas pelo seu plano de férias. Não deixe de conferir a opção de utilizar seus pontos do Indique e Ganhe.

Dálcio tadeu pimentel

sinto dificuldades no entendimento das parcerias com hoteis internacionais. Por exemplo quero ir à portugal no início de 2018 e não consigo entender como e principalmente quanto seria isso para os dias de hoje. essa mensuração ´importante para comparar com outras empresas.

30 de novembro de 2016 | Responder
    Redação RDC

    Olá, Dálcio! Viagens internacionais conte sempre com a agência preferencial do associado, a RDC Viagens. Gostou desse roteiro? Quer saber mais informações? Nossa equipe da RDC Viagens, poderá orientá-lo. Envie um pedido de cotação para o e-mail agencia@rdcviagens.com.br, informando a quantidade de pessoas e o período da sua viagem. Se preferir, entre em contato pelo telefone (11) 2172-0270, 2ª a 6ª feira, das 9h às 19h. Vale lembrar que você pode solicitar também a cotação de outros produtos turísticos com a RDC Viagens. Bom planejamento! :)

    1 de dezembro de 2016 | Responder
EURIDICE AMELIA REIS RABELO

Solicitoos valores, datas , periodos deste pacote de mendonza o vale dos vinhos do chile. informar ainda a inclusao de aéreo e terrestre e de onde parte

1 de dezembro de 2016 | Responder
    Redação RDC

    Olá, Euridice! Roteiro bem interessante, não é? Quer saber mais informações? Nossa equipe da RDC Viagens, agência preferencial do associado, poderá orientá-la. Envie um pedido de cotação para o e-mail agencia@rdcviagens.com.br, informando a quantidade de pessoas e o período da sua viagem. Se preferir, entre em contato pelo telefone (11) 2172-0270, 2ª a 6ª feira, das 9h às 19h. Vale lembrar que você pode solicitar também a cotação de outros produtos turísticos com a RDC Viagens. Bom planejamento! :)

    1 de dezembro de 2016 | Responder
Renata

Qual época podemos ir para. Esquiar? Indicação dr hotéis…Chili e Argentina

20 de dezembro de 2016 | Responder
    Redação RDC

    Olá, Renata! Viagens internacionais conte sempre com a agência preferencial do associado, a RDC Viagens. Quer saber mais informações? Nossa equipe da RDC Viagens, poderá orientá-la. Envie um pedido de cotação para o e-mail agencia@rdcviagens.com.br, informando a quantidade de pessoas e o período da sua viagem. Se preferir, entre em contato pelo telefone (11) 2172-0270, 2ª a 6ª feira, das 9h às 19h. Vale lembrar que você pode solicitar também a cotação de outros produtos turísticos com a RDC Viagens. Bom planejamento! :)

    20 de dezembro de 2016 | Responder
allan werbertt de miranda

estou no aguardo de uma proposta de viagem desde de novembro com a agente de viagens Andrea, sou cliente rdcviagens. com diarias há vencer

27 de dezembro de 2016 | Responder
    Redação RDC

    Lamentamos a demora em nosso atendimento, Allan. Pedimos que aguarde o contato da agência RDC Viagens ainda hoje. Qualquer dúvida, permanecemos à disposição. Obrigado.

    28 de dezembro de 2016 | Responder

Deixe um comentário