Carregando...
''

Mala extraviada? Veja o que fazer.

Quando vamos sair para viajar nunca passa pela nossa cabeça que podemos ter a bagagem extraviada. Como sempre, pensamos que nunca vai acontecer com a gente. Mas não é raro que a situação aconteça. E é claro que estamos na torcida para que você nunca tenha que passar por essa situação, mas, caso aconteça, ninguém está livre, você já sabe por onde começar?

Primeiro, identifique a sua mala. Coloque um adorno, uma fitinha, um adesivo, uma tag com seus dados de contato, algo que a diferencie das centenas de malas pretas que você vê rolar ao longo da esteira, assim é mais fácil bater o olho e saber qual é a sua. Dentro da mala, coloque um papel com seu nome e dados para contato, assim, caso a informação externa se perca, a interna ajudará na sua localização. É legal colocar cadeado também, certifique-se qual o modelo aprovado de acordo com o país-destino. No caso dos EUA, confira o modelo TSA (Transportation Security Administration) para evitar ter sua mala arrombada se precisarem averiguar seu conteúdo.

02-Post-Aeroporto

Se na hora de retirar sua bagagem, ela não aparecer na esteira, não desembarque sem avisar a companhia aérea. Eles darão um formulário para preencher, e a partir dele será feito o RIB (Relatório de Irregularidade de Bagagem) ou PIR (Relatório de Irregularidade de Propriedade). É aconselhável deixar este documento bem guardado junto com o comprovante de despacho da bagagem. De acordo com a ANAC, o comunicado sobre a perda pode ser feito em até 15 dias do desembarque, mas é melhor procurar por funcionários no aeroporto mesmo e já agilizar o processo. O prazo é de 21 dias para voos internacionais e 30 dias para os trechos domésticos para um retorno.

01-Post-Aeroporto

Após feito esses procedimentos, entre em contato com a empresa que fez seu Seguro Viagem para informar sobre o ocorrido para que eles possam acompanhar a devolução junto à companhia. É importante guardar notas e comprovantes de despesas com vestuário, calçado e itens de higiene pessoal para enviar à seguradora para a solicitação de reembolso.

É importante ressaltar que é necessário sempre verificar o procedimento correto com a sua companhia aérea. Em caso de dúvidas, consulte as regras no site da Anac.

Deixe um comentário