Carregando...

Passeios por Buenos Aires: 15 passeios para você aproveitar

No começo do século 20, a capital da Argentina era conhecida como uma das cidades mais ricas do mundo. Era um lugar em que entravam e saíam muitas riquezas as quais se materializaram em monumentos exuberantes, parques planejados, edifícios no estilo neoclássico e ruas arborizadas. O resultado são inúmeros passeios por Buenos Aires que não podem deixar de estar em sua lista!

Buenos Aires foi um lugar que acolheu diversas culturas. Desde cargueiros ingleses, exploradores nórdicos a imigrantes de vários lugares. Esse caldeirão de influência deu o tom à cidade com o que havia de melhor de uma metrópole. Mesmo assim, a figura do gaúcho ainda perambula em sua essência em uma parrilla, chimarrão, vinho, notas musicais do acordeom e passos complexos do tango.

Los hermanos também guardam similaridades com o lado de cá da fronteira. O futebol, herdado dos ingleses, é motivo de rivalidade e torcida. A fé também é outro ponto. Se o papa é argentino, no Brasil, Deus é brasileiro. Contudo, esses fatos não diminuem o fato que os passeios por Buenos Aires são inesquecíveis.

Confira um pouco do que se pode conhecer por lá!

1. Casa Rosada

A sede da presidência da Argentina é um dos símbolos do país e também um dos passeios por Buenos Aires que não pode faltar em sua lista. Desde 1870, o prédio é pintado de rosa. Especula-se que a escolha dessa cor é devido a união dos partidos ou até mesmo o uso de sangue de boi na produção das tintas naquela época.

É de praxe tirar um foto em frente ao prédio, contudo, você pode fazer uma visita guiada gratuita no interior da Casa Rosada aos sábados, domingos e feriados. Na parte de trás do prédio você pode também aproveitar para conhecer o Museu Bicentenário. Dois passeios em um só!

2. Plaza de Mayo

Todas às quintas-feiras, às 15h30, ocorrem as manifestações das Mães da Plaza de Mayo que buscam pelos desaparecidos da ditadura argentina. Em frente à Casa Rosada, as madres andam em círculo em sentido anti-horário em busca de seus filhos, sempre munidas com lenços brancos na cabeça.

A região possui vários outros pontos para admirar: Cabildo, a Catedral e a sede do Banco de La Nación Argentina. A praça é arborizada e ideal para aquele momento de descanso entre um passeio e outro. Além, claro, de resistência!

3. Obelisco, Avenida 9 de Julho e Corrientes

Buenos Aires é uma cidade monumental e não seria diferente sem um Obelisco, que são monumentos comemorativos. No caso da cidade portenha, para a comemoração de seus 400 anos de história.

Se no Brasil, o cruzamento entre a São João com a Ipiranga é um símbolo, o cruzamento entre a Avenida Nove de Julho e a Corrientes segue essa mesma lógica. Inclusive, essas avenidas guardam segredos bem interessantes para se descobrir, como a Nove de Julho ter sido considerada a avenida mais larga do mundo e a Corrientes a Broadway argentina, com inúmeros teatros e estátuas de gente famosa.

4. El Caminito

Um lugar único. Impossível não reconhecê-lo por sua maior característica: as famosas casinhas coloridas, um verdadeiro museu a céu aberto, que faz jus ao nome inspirado em um tango de 1926 de Juan de Dios Filiberto.

É um lugar extremamente turístico, com muitas pessoas, ateliês, bares e restaurantes. Em seus primórdios, era um bairro de imigrantes que sofria muito com a degradação.

No entanto, em 1950, um grupo de vizinhos resolveu revitalizar a área, pintando de cores pastéis e brilhantes os prédios e incentivando a produção cultural. A iniciativa deu tão certo, que desde 1959, a prefeitura concede o título de “museu a céu aberto”.

5. La Bombonera

Ir à Buenos Aires e não conhecer a casa do Boca Juniors é praticamente uma heresia. Além do mais, ele fica muito próximo ao Caminito. Pode conhecer o estádio, assistindo a uma partida ou também conhecendo o Museu Paixão Boquense.

6. Teatro Colón

Um passeio por Buenos Aires para quem ama teatros é conhecer o Teatro Colón. Ele possui uma arquitetura de fazer cair o queixo e uma acústica perfeita o qual garante uma posição entre os melhores teatros do mundo. Vale muito a pena conferir um espetáculo ou fazer uma visita guiada por suas dependências.

7. El Ateneo Grand Splendid

Foi teatro, cinema e agora é uma livraria com ar de atração turística. O prédio foi construído em 1919, passando por todas essas transformações, até que em 2000, trocaram as suas poltronas por livros e mais livros, e o palco, tornou-se um café, com piano ao vivo. São cinco andares com muita cultura.

8. Puerto Madero

A área portuária de Buenos Aires é bem charmosa, incluindo Puerto Madero. É um passeio para ser feito a pé e para quem gosta de comer bem. Aproveite para experimentar a famosa parrilla argentina. Unindo as margens do Rio de La Plata está a “Puente de las mujeres”, um dos cartões-postais da cidade.

9. Floralis Generica

Em homenagem a todas as flores do mundo e à alegoria do tempo, Eduardo Catalano, confeccionou uma flor de alumínio de 20 metros que se abre todos os dias às 8 da manhã e se fecha ao entardecer. Ela está aberta à visitação a qualquer horário do dia na Plaza de las Naciones Unidas.

10.Museu Nacional de Belas Artes

Destinado a contar a história da Argentina, abriga obras de artistas locais que expressam marcos importantes do país. Além das obras de artistas argentinos, há a arte de artistas famosos como El Grecco e Monet.

11. Museu de Arte Latina-americana de Buenos Aires

Mais conhecido como MALBA, o museu é de arte moderna, interativas e diferente. É dedicado em contar a história da arte do século XX da América Latina e abriga o famoso quadro da Tarsila do Amaral, O Abapuru.

12. Cemitério da Recoleta

O cemitério da Recoleta é um ponto turístico bastante visitado em Buenos Aires. Ali, estão enterrados figuras importantes, como a Evita Perón. Tem visita guiada gratuita que apresenta alguns túmulos famosos, considerados monumentos históricos nacionais. O tour só está completo com a passada na Igreja Nuestra Señora de Pilar e o Centro Cultural Recoleta.  

13. Café Tortoni

O café mais tradicional da cidade portenha, foi fundado em 1858 e possui uma decoração bem bonita e serve um bom café, chocolate e churros. Durante a noite, as apresentações de tango ganham o espaço, fazendo-se um passeio por Buenos Aires necessário.

14. Parques e jardins

Passar um dia no parque acompanhado de um bom Malbec é uma atração por si só, ainda mais se entrelaçado com um piquenique, ainda melhor no Bosque Palermo. Porém, Buenos Aires tem um apreço grande por parques e jardins. Vale muito a pena visitar o Jardim Japonês.

15. Feira de San Telmo

Um passeio por Buenos Aires essencial é à Feira de San Telmo, principalmente se você aprecia antiguidade. Todos os domingos, na Plaza Dorrego, com a regra que deve ser comercializadas peças com mais de 70 anos. Mas, com a sua fama, passou a invadir outras ruas, que não são fiscalizadas por essa norma. É um local para quem quer comprar uma lembrança de viagem.

Como cantava Carlos Gardel: “Mi Buenos Aires querido” é um lugar em que não haverá mais tristezas e esquecimentos. Pelo contrário, é um lugar em que os passeios pela cidade deixará saudades e a vontade de vê-la novamente. Afinal, conhecida como a Paris das Américas, não deve decepcionar.

Confira opções de pacotes para Buenos Aires! Acesse AQUI ou entre em contato pelo telefone (11) 4096-0270 | 2172-0270 e fale com nossos consultores. Você também pode preencher nosso formulário de viagens personalizadas que entraremos em contato com você.


Não é associado? Acesse nosso site e entre em SEJA ASSOCIADO! Comece agora mesmo as suas próximas férias.

Deixe um comentário