Carregando...
''
imgsGrandes

Tudo começou em Buenos Aires

Uma capital latina com arquitetura Europeia, aqui ao lado do nosso país, onde uma viagem rápida, de fim de semana, poder ser muito bem aproveitada quando se conhece um pouco da sua história.

Com particularidades em cada uma das quatro estações do ano, Buenos Aires se faz bela durante o ano todo. Quente no verão, o que faz suas ruas se tornarem grandes calçadões para excelentes caminhadas. No inverno, ela passa a ter ainda mais os ares do seu lado europeu, onde o lindo céu azul se mistura com as belas paisagens urbanas. Já no outono, o cenário se torna ainda mais belo, pois como a cidade é extremamente arborizada, com parques e árvores por todos os lugares, o tom alaranjado das folhas fazem um show de cores junto com suas flores.

E não podemos deixar de lembrar da primavera em Buenos Aires, uma época muito agradável para você curtir seus pontos turísticos, como ir à Casa Rosada e depois tomar um café no famoso Tortoni ou ir a Puerto Madero para visitar a Puente de La Mujer e almoçar em seus belíssimos e saborosos restaurantes ao redor.

Casa-Rosada
Mas como diz o título, começamos por Buenos Aires para seguir até Ushuaia. O avião é a forma mais fácil de chegar lá. A viagem dura aproximadamente três horas e 45 minutos e os voos saem, geralmente, do Aeroparque, em Buenos Aires.

Embora seja uma cidade pequena, com pouco mais de 50 mil habitantes, Ushuaia tem vários passeios para fazer, além de bons restaurantes, locais para compras, cassinos etc. Para aproveitar com calma tudo aquilo que o lugar oferece, sugerimos ficar pelo menos de 4 a 5 dias na cidade. Agora se a ideia é esquiar, acrescente no roteiro mais alguns dias exclusivamente para atividades na neve.

Ushuaia

Ao iniciar suas caminhadas na capital da Terra do Fogo, comece fazendo o reconhecimento pela orla no Canal Beagle, onde você poderá visualizar a Cordilheira dos Andes e o Porto de Ushuaia, onde se apresenta a legendária placa do “fim do mundo”.

Do Porto sai o passeio pelo Canal Beagle, que dá acesso a vários pontos interessantes, como o Farol Les Eclaireus e a Ilha dos Lobos. Olhando para o outro lado do canal, você poderá avistar terra firme. Essa terra já pertence ao Chile, um país que falaremos em próximas edições.

Canal-Beagle

Para ter uma informação completa sobre a história desta cidade, vá até o Museu Marítimo e não perca a visita guiada. O museu foi, na verdade, uma antiga prisão. Ou faça o passeio no Trem do Fim do Mundo, que conta a história de Ushuaia e chega até o belo Parque Nacional Tierra del Fuego, um excelente lugar para caminhar e desfrutar as paisagens naturais.

O parque tem grande extensão e rende um dia de passeio. Se você gostar de história e quiser se aprofundar mais ainda, outras opções culturais são o Museu do Fim do Mundo, o Museu Yámana e a Galeria Temática Pequena História Fueguina.

Atividades ao ar livre são o grande forte de Ushuaia. Quando o tempo estiver aberto, subir no Glaciar Martial de teleférico é algo especial, pois ali você poderá curtir a vista para o Canal Beagle, Ushuaia e a Cordilheira dos Andes e, mesmo que você esteja visitando no verão, é certo ver neve lá em cima.

Ushuaia1
A paisagem é inesquecível. Se tiver preparo físico, experimente a ida ao mirante do Glaciar Martial a pé, algo em torno de duas horas de subida e é mais fácil de ser feita no verão, por conta da quantidade de neve ser menor. Na volta, uma parada estratégica na La Cabaña para tomar um chá quente é uma ótima pedida!

Ushuaia oferece diversos passeios para serem feitos, entre eles os com veículos 4×4, que levam aos lagos Fagnano e Escondido. O trekking no Lago Esmeralda também é um belo passeio e surpreende pela cor da água. Se for no verão, o passeio a Pinguinera é muito popular, mas se for no inverno, reserve alguns dias para curtir a neve nos centros invernais.

Lagoa-Esmeralda
O Cerro Castor é o local mais conhecido para prática de esqui e snowboard, além disso, é o local ideal para os iniciantes na prática dos esportes de neve. Se você se identifica mais com o esqui “plano”, o cross-country, vá ao centro invernal Tierra Maior e surpreenda-se.

Esqui
Mais diurna que noturna, Ushuaia oferece poucas opções para quem curte baladas, porém existe um pub que chama Dublin, que é “o point” para quem quer beber, se divertir e fazer amizade. Mas se você não gosta de agitação, deixe a noite para descansar e fazer programas mais leves, como caminhar, fazer compras, apostar no cassino ou jantar em um dos restaurantes da cidade.

Achou interessante? Procure a RDC Viagens, de segunda a sexta-feira das 9h às 19h pelo telefone (11) 2172-0270/4096-0270, ou pelo e-mail e-mail agencia@rdcviagens.com.br. Buen viaje!

*Texto publicado na Revista RDC Férias&Lazer, edição 50

Deixe um comentário