Carregando...

Todos os caminhos levam a Paraty

Por Juliana Deodoro

À beira-mar e cercada de verde, com um centro histórico muito bem preservado e uma cena cultural e gastronômica viva e surpreendente, Paraty é o programa perfeito para quem quer uma viagem leve, divertida e acessível. Na divisa entre os estados do Rio de Janeiro e São Paulo, a maneira mais fácil de chegar é pela estrada. Seja qual for o seu ponto de partida, o passeio pode começar bem antes do destino final. Por isso, separamos algumas atrações para que o caminho seja uma das melhores partes da viagem.

Do Rio de Janeiro

Distância: 240 km

Rio-Santos

Véu da Noiva de Muriqui

Uma das estradas mais famosas do país, imortalizada até pelo rei Roberto Carlos, a BR-101 é a melhor rota entre a capital carioca e a cidade histórica. A vista deslumbrante e apaziguadora do mar só não pode ser desculpa para tirar os olhos da rodovia. No meio do caminho, uma cachoeira Perto de Mangaratiba e com entrada bem próxima à Rio-Santos, fica a Véu da Noiva de Muriqui, queda d’água mais bonita da região. O começo da trilha (de aproximadamente 20 minutos) fica perto do Restaurante Mirante, e vale a pena parar para um mergulho.

Pit stop estratégico

Marola Flutuante

Com 365 ilhas e água verde esmeralda, Angra dos Reis é um destino por si só. O que não impede uma parada para almoço ou jantar na cidade antes de seguir rumo a Paraty. Ilha Grande é uma parada obrigatória, inclusive para reabastecer com muito estilo. O convite é conhecer o Marola Flutuante, um restaurante literalmente dentro do mar. Uma experiência interessante para a sua viagem.

De São Paulo

Distância: 270 km

Escolhas

Vista para Baía de Paraty Pedra da Macela – Cunha

Há diversas maneiras de ir até Paraty desde a capital paulista. A decisão sobre qual estrada pegar para atravessar a serra deve levar em conta o tempo, o trânsito e as condições de cada uma no momento da viagem. Na reta final, porém, o motorista terá duas opções: chegar pela Rio-Santos ou pela estrada de Cunha. As duas são belíssimas. A primeira segue pelo litoral, entre o mar e as montanhas. A segunda é uma estrada-parque, de paralelepípedos, com muito verde, animais e curvas — o que exige cuidado e uma velocidade menor.

Parada de fé

Quem decide pegar a Via Dutra pode incluir Aparecida no trajeto da viagem. Destino de peregrinação, a cidade gira em torno do Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, aberto para visitação todos os dias. Muito próxima também está Guaratinguetá, onde nasceu Frei Galvão, o primeiro santo católico brasileiro.

Compras

Lavandário – Cunha

A 45 km de Paraty, Cunha é conhecida por ser a terra do fusca, do pinhão, dos campos de lavanda e… da cerâmica! A cidade abriga diversos ateliês que produzem peças de diferentes estilos e técnicas.

De Belo Horizonte

Distância: 600 km

Caminho histórico

Estrada Real

Sair de Minas Gerais com destino a Paraty não é nada novo. Esse trajeto começou a ser feito no século 17, quando os tropeiros abriram o caminho da Estrada Real. Se, naquela época, o percurso que começava em Ouro Preto seguia por mais de 700 km e levava 60 dias, hoje, a média, a partir de Belo Horizonte, é de pouco mais de nove horas.

Arte e cultura

Bom Jesus de Matosinhos

Os profetas de Aleijadinho, esculpidos em pedra-sabão e patrimônio cultural da UNESCO, estão na entrada do Santuário do Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas, que fica no caminho de quem pega a BR-040.

Circuito das águas

Balneário São Lourenço

Quem decide ir pela BR-381 pode fazer uma parada em São Lourenço. Com propriedades terapêuticas e medicinais, suas fontes de água são conhecidas no Brasil inteiro. O Parque das Águas, principal atração da cidade, também tem opções de relaxamento e lazer para toda a família.

Desvio para o sabor

Tiradentes não está exatamente nas estradas que ligam BH a Paraty, mas quem dispõe de mais tempo não pode perder a oportunidade de dar um pulo na cidade, nem que seja só para o almoço. Difícil é seguir viagem depois de bater um prato de frango com angu e ora-pro-nóbis, típico da região.

Bom Planejamento!

Deixe um comentário